Blog da REBOB

Ministro e bancada federal paraibana debatem oferta hídrica para o estado

Helder Barbalho reforçou o empenho do Ministério da Integração para acelerar as obras do Projeto São Francisco


Em audiência a parlamentares da Paraíba, no dia19, o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, destacou a importância de unir esforços para concluir as obras do Projeto de Integração do Rio São Francisco. O empreendimento vai garantir segurança hídrica a mais de 12 milhões de pessoas em quatro estados - Ceará, Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte. Serão 390 municípios beneficiados, dos quais 127 paraibanos.


"A Integração do rio São Francisco é a obra mais importante da história do Brasil no setor hídrico. O Ministério compreende a necessidade de concluí-la o mais rápido possível para assegurar o abastecimento de água não só para consumo, mas para o setor produtivo também, o que irá gerar emprego e renda para a população nordestina. Neste sentido, é de extrema importância empenhar todos os esforços para garantir a previsão orçamentária e financeira que possibilite a conclusão o quanto antes", afirmou Helder Barbalho.


Durante o encontro, o ministro destacou que as equipes da Pasta têm trabalhado para acelerar o andamento das obras e os prazos de entrega. "Se tudo ocorrer como planejado, teremos água correndo pelos canais no primeiro trimestre de 2017. A inauguração desta obra é prioridade total do Ministério da Integração", garantiu.


Abastecimento


Os dois eixos de transferência de água (Norte e Leste) do Projeto São Francisco beneficiarão o estado da Paraíba. A água será fornecida diretamente em rios que serão perenizados, em açudes existentes, sistemas de abastecimento e ramais associados ao projeto, a exemplo da Vertente Litorânea (PB).


"A entrega desses trechos irá repercutir diretamente na Paraíba, com destaque para o abastecimento da cidade de Campina Grande, que depende dessas ações para que não seja comprometido o abastecimento de água naquela região", destacou o senador Raimundo Lira.


Em abril, o Projeto de Integração do Rio São Francisco alcançou o índice de 86,3% de avanço físico nos dois eixos de obras. São mais de 10 mil profissionais trabalhando e 3.909 equipamentos em operação ao longo dos 477 quilômetros de extensão do empreendimento.


Para mais informações: www.mi.gov.br

0 visualização

A Rede Brasil de Organismos de Bacias Hidrográficas - REBOB é uma entidade sem fins lucrativos constituída na forma jurídicos de Associação Civil, formada por associações e consórcios de municípios, associações de usuários, comitês de bacia e outras organizações afins, estabelecidas em âmbito de bacias hidrográficas.

Design & Marketing Digital

Criatividade Coletiva - Inteligência de Marketing para Eventos
  • Telegram
  • LinkedIn App Icon
  • Wix Facebook page