Blog da REBOB

Baleias já foram “peixinhos”, dizem cientistas

Primeiras baleias surgiram há 30 milhões de anos e as espécies gigantes, com mais de 10 metros, começaram a predominar apenas nos últimos dois ou três milhões de anos, dizem cientistas.


A Baleia Azul é a maior espécie dos oceanos, chegando a atingir 30 metros


Grupo de cientistas americanos estudou os fósseis de 63 espécies extintas e de 13 espécies de baleias que ainda existem nos mares. A conclusão a que chegaram é que nem sempre estes mamíferos foram tão grandes como hoje. A pesquisa foi feita por cientistas de três instituições dos Estados Unidos: o Museu de História Natural Smithsonian e as Universidades Stanford e de Chicago e o estudo foi publicado ontem na revista científica Proceedings of the Royal Society. Por cerca de 27 milhões de anos, quase todas as espécies tinham entre 3 metros e 10 metros de comprimento, segundo a pesquisa. Hoje, porém, predominam de forma esmagadora as espécies com mais de 10 metros. A baleia-azul, que é o maior animal existente na Terra, pode chegar a 30 metros.


Segundo os autores da pesquisa, os dados mostram claramente que as grandes baleias da atualidade não estavam presentes na maior parte da história dessas espécies. A explicação para o “recente” aumento de tamanho é a mudança ambiental causada pelo início das glaciações, há cerca de 4,5 milhões de anos. Nessa época, além das baleias com mais de 10 metros começarem a evoluir, as espécies menores passaram a desaparecer gradualmente. As primeiras baleias surgiram há 30 milhões de anos e as espécies gigantes começaram a predominar apenas nos últimos dois ou três milhões de anos.


De acordo com os cientistas, as condições climáticas teriam tido influência direta nessa mutação uma vez que o corpo pequeno seria uma desvantagem evolutiva. As glaciações teriam modificado a distribuição do suprimento de alimentos das baleias nos oceanos obrigando-as a migrarem por milhares de quilômetros. As baleias maiores possuem uma maior habilidade de migração, podendo cobrir estes milhares de quilômetros para aproveitar o suprimento sazonal de comida abundante em pontos distantes. Também o corpo maior favorecia – de acordo com os cientistas - a estratégia alimentar das baleias. Quanto maior o corpo do animal, melhor a estratégia interna de absorção de alimentos.



1 visualização

A Rede Brasil de Organismos de Bacias Hidrográficas - REBOB é uma entidade sem fins lucrativos constituída na forma jurídicos de Associação Civil, formada por associações e consórcios de municípios, associações de usuários, comitês de bacia e outras organizações afins, estabelecidas em âmbito de bacias hidrográficas.

Design & Marketing Digital

Criatividade Coletiva - Inteligência de Marketing para Eventos
  • Telegram
  • LinkedIn App Icon
  • Wix Facebook page