Blog da REBOB

SAAE de Oeiras no Piauí adquire novos equipamentos para controle e qualidade da água



Trata-se de um bloco digestor para análise de nitrogênio e um destilador de água.


O Laboratório de físico-química e análises microbiológicas do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) recebeu esta semana dois novos equipamentos, que irão aperfeiçoar ainda mais os processos de análise da água consumida pela população de Oeiras. Trata-se de um bloco digestor para análise de nitrogênio e um destilador de água, que irá auxiliar na esterilização de vidrarias.


A farmacêutica Débora Rêgo, responsável pelo laboratório de análises do SAAE, ressalta que a aquisição dos equipamentos irá aprofundar ainda mais os processos de análise da água. “Buscamos atender a todos os testes que a legislação exige referente às análises da água para o consumo humano. Realizamos testes físico-químicos, direcionados a análises de pH, Turbidez, Cloreto, Dureza, Nitrito, Alcalinidade, Ferro, Nitrato e Sulfato. O teste microbiológico é realizado através do reagente de Colillert, para constatação de Escherichia colli e coliformes fecais e totais. Essas análises são feitas mensalmente nos 24 poços mantidos pelo SAAE”, explica.


A farmacêutica reforça que o não tratamento da água pode provocar surtos de infecção bacteriana. “Problemas endêmicos e epidêmicos, onde toda a população corre o risco de apresentar náuseas, diarreia, febre e outras doenças. Sem falar em outros malefícios, outras doenças como, por exemplo, a sobrecarga dos rins. Com o tratamento da água, que realizamos com o cloro, extinguimos essa quantidade de bactérias que podem provocar certas doenças na população, diminuindo a frequência de sobrecarga nos hospitais e ajudando na questão do consumo”, completa Débora Rêgo.

Laboratório é referência para outros munícipios


O laboratório do SAAE já realizou serviços para prefeituras de outras cidades piauienses, como Baixa Grande do Ribeiro, Ribeiro Gonçalves e Uruçuí. Instituições federais como o IFPI e donos de propriedades rurais da cidade de Dom Expedito Lopes também já utilizaram os serviços do laboratório.


“A credibilidade que a gestão municipal tem, somado ao profissionalismo da equipe do nosso laboratório e a utilização de equipamentos modernos, gera essa confiança que outros municípios e entidades tem em nosso trabalho.”, enfatiza o engenheiro Assuéro Rêgo, diretor do SAAE.


Fonte: R10.

0 visualização

A Rede Brasil de Organismos de Bacias Hidrográficas - REBOB é uma entidade sem fins lucrativos constituída na forma jurídicos de Associação Civil, formada por associações e consórcios de municípios, associações de usuários, comitês de bacia e outras organizações afins, estabelecidas em âmbito de bacias hidrográficas.

Design & Marketing Digital

Criatividade Coletiva - Inteligência de Marketing para Eventos
  • Telegram
  • LinkedIn App Icon
  • Wix Facebook page