top of page
Sumário da água

Blog da REBOB

Marina Silva debate cooperação com Comissão Europeia


Foto: Bernard Ferreira

A ministra do Meio Ambiente e Mudança do Clima, Marina Silva, recebeu na manhã desta segunda-feira (23) em Brasília o vice-presidente executivo da Comissão Europeia, Frans Timmermans, que lidera a União Europeia nas negociações de clima. O objetivo principal do encontro é tratar dos preparativos para a Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP28), que será realizada de 30 de novembro a 12 de dezembro deste ano, em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos.

A ministra ressaltou a importância da cooperação internacional. “Estamos cooperando para fazer a rastreabilidade e a certificação de produtos, estamos cooperando para que centros de pesquisa e inovação possam nos ajudar.”

Segundo ela, a Autoridade Nacional de Segurança Climática será criada para acompanhar os diferentes setores que têm responsabilidade na redução de emissões no país. Energia, agricultura, transportes e indústria podem contribuir com as metas brasileiras, e o mais urgente é acabar com o desmatamento, frisou. “75% das emissões brasileiras são desmatamento e atividade agropecuária”, disse Marina. A meta do Brasil é zerar o desmatamento até 2030.

A ministra acrescentou que o Brasil pode ajudar a Europa com energias renováveis e hidrogênio verde. Ela também pediu apoio dos europeus para o Fundo Amazônia e disse que os recursos podem ser usados para transição energética, bioenergia e no processo de certificação de produtos, além do combate ao desmatamento.

Durante o encontro, Marina citou os esforços por uma produção industrial baseada no uso de recursos biológicos e a importância de uma infraestrutura que favoreça o desenvolvimento sustentável. “O mundo quer consumir alimento saudável, aqui é o lugar. O mundo quer produto que seja de baixo carbono, aqui é o lugar”, declarou.

O vice-presidente executivo da Comissão Europeia, Frans Timmermans, disse que a Europa é parceira do Brasil no combate ao desmatamento e que irá oferecer cooperação técnica e financeira para estimular a produção de produtos ambientalmente responsáveis.

Nesta terça-feira (24), Timmermans visitará Belém, no Pará, cidade candidata a sede da COP30. Estão previstas reuniões com ONGs ambientais locais, lideranças indígenas e jovens ativistas para conhecer projetos de bioeconomia. ASCOM MMA

CategoriaMeio Ambiente e Clima


Fonte: Ministério do Meio Ambiente e Mudança do Clima

13 visualizações
bottom of page