top of page
Sumário da água

Blog da REBOB

NR da ANA sobre matriz de risco para serviços de água esgoto é tema de discussão técnica

Norma de referência da ANA sobre matriz de risco para serviços de água esgoto é tema de discussão técnica em 5 de abril


Informações sobre o Diálogo

Na próxima quarta-feira, 5 de abril, das 14h30 às 16h, a Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) realizará o Diálogo sobre as Alternativas Regulatórias para a Norma de Referência de Matriz de Riscos. O evento será transmitido via plataforma Microsoft Teams e tem o objetivo de discutir as alternativas já mapeadas, além de buscar outras opções para o processo de elaboração dessa norma de referência (NR) da ANA, que terá como foco promover a alocação objetiva dos riscos nos contratos de prestação de serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário.


Para o evento é esperada a participação de representantes de titulares dos serviços de água e esgotamento sanitário, prestadores desses serviços, especialistas no tema, além de representantes e técnicos das agências reguladoras infranacionais – municipais, intermunicipais, estaduais e distrital. Os(as) interessados(as) em participar do evento devem enviar um e-mail para: cocot@ana.gov.br, solicitando o link de acesso.


A norma de referência de matriz de riscos consta da Agenda Regulatória da ANA para 2023, que contém temas a serem regulados nas áreas de saneamento básico, usos de recursos hídricos, regras para operação de reservatórios, monitoramento hidrológico, planejamento e informação de recursos hídricos, implementação da Política Nacional de Recursos Hídricos, fiscalização, segurança de barragens e serviços.


ANA e o marco legal do saneamento básico


Com o novo marco legal do saneamento básico, Lei nº 14.026/2020, a ANA recebeu a atribuição regulatória de editar normas de referência, contendo diretrizes para a regulação dos serviços públicos de saneamento básico no Brasil que incluem abastecimento de água potável, esgotamento sanitário, limpeza urbana e manejo de resíduos sólidos, além de drenagem e manejo de águas pluviais urbanas.


A mudança busca uniformizar as normas do setor para atrair mais investimentos para o saneamento, melhorar a prestação e levar à universalização desses serviços. Para saber mais sobre a competência da ANA na regulação do saneamento, acesse a página www.gov.br/ana/assuntos/saneamento-basico.


Assessoria Especial de Comunicação Social (ASCOM) Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) (61) 2109-5129/5495/5103 www.gov.br/ana | Facebook | Instagram | Twitter | YouTube | LinkedIn | TikTok


Fonte: Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA)

19 visualizações

Comments


bottom of page