top of page
Sumário da água

Blog da REBOB

Prêmio ANA 2023 recebe 618 inscrições de todo o Brasil

Iniciativas de todos os estados e do DF se inscreveram na mais tradicional premiação em prol das águas e do saneamento básico do Brasil. Vencedores receberão o Troféu Prêmio ANA e poderão usar o Selo Prêmio ANA



De norte a sul, iniciativas do Distrito Federal e de todos os 26 estados do Brasil estão concorrendo ao Prêmio ANA 2023, que é o mais tradicional do País na indução de boas práticas em prol das águas e do saneamento básico. No total 618 ações se inscreveram na premiação, segundo maior número de inscrições já recebido pelo concurso, ficando apenas atrás do recorde de 687 participantes na edição de 2020.


A categoria com maior número de iniciativas inscritas foi Empresas de Médio ou de Grande Porte, com 145 concorrentes. Para as demais categorias foram recebidas as seguintes quantidades de inscrições: Governo (140); Educação – Ensino Superior e Pesquisa (70); Organizações Civis (58); Comunicação – Mídia Impressa ou Sonora (45); Empresas de Micro ou de Pequeno Porte (45); Comunicação – Mídia Audiovisual (38); Educação – Ensino Fundamental, Médio e Educação não Formal (36); Organismos de Bacias (21); e Entidades Reguladoras Infranacionais do Setor de Saneamento Básico (20).


Por unidade da Federação, São Paulo é o estado com mais trabalhos inscritos: 162 no total. Na sequência vêm: Minas Gerais (63), Rio de Janeiro (50), Paraná (35), Rio Grande do Sul (34), Pernambuco (28), Distrito Federal (25), Santa Catarina (25), Bahia (24), Ceará (23), Espírito Santo (16), Goiás (16), Acre (15), Paraíba (15), Mato Grosso do Sul (14), Pará (10), Mato Grosso (9), Alagoas (8), Amazonas (8), Maranhão (8), Rio Grande do Norte (8), Tocantins (), Amapá (5), Rondônia (3), Sergipe (3), Piauí (2) e Roraima (2).



A Comissão Julgadora selecionará três iniciativas finalistas e a vencedora de cada uma das dez categorias. Os finalistas serão conhecidos em 19 de outubro deste ano e os vencedores anunciados em solenidade de premiação, prevista para novembro de 2023, em data e local a serem definidos.


Os(as) vencedores(as) ganharão o Troféu Prêmio ANA e poderão utilizar em seus materiais de divulgação o Selo Prêmio ANA: Vencedor. Os(as) três finalistas de cada categoria terão o direito ao uso do Selo Prêmio ANA: Finalista, além de compor o Banco de Projetos do Prêmio ANA. Uma novidade desta edição é que as iniciativas que não forem finalistas ou vencedoras, mas que se destacaram por contribuir para os objetivos da premiação, também poderão compor o Banco de Projetos com base na avaliação da Comissão Organizadora.


Segundo o regulamento do Prêmio ANA 2023, a Comissão Julgadora será composta por dez membros externos à ANA e com notório saber nas áreas abrangidas pelas categorias da premiação. Um representante da Agência presidirá o grupo, mas sem direito a voto. Os critérios de avaliação dos trabalhos levarão em consideração os seguintes aspectos: efetividade, inovação, impactos social e ambiental, potencial de difusão, sustentabilidade, adesão social e aderência aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU). Para as categorias de Comunicação, o critério de sustentabilidade não será aplicável.

O Prêmio ANA

Em sua 8ª edição, o Prêmio ANA 2023 tem o objetivo de reconhecer o mérito de iniciativas que se destaquem pela excelência de sua contribuição para a promoção da segurança hídrica, da gestão e do uso sustentável dos recursos hídricos, e para soluções voltadas à melhoria e ampliação dos serviços públicos de saneamento básico, visando ao desenvolvimento sustentável do Brasil.


Realizado há 17 anos pela Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA), o Prêmio ANA é a mais tradicional premiação do setor de águas do Brasil e já contabilizou mais de 2,9 mil trabalhos inscritos e premiou 48 projetos, de todas as regiões do Brasil, que se destacaram pela sua contribuição ao desenvolvimento do País a partir de boas práticas no cuidado de suas águas.


Assessoria Especial de Comunicação Social (ASCOM) Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) (61) 2109-5129/5495/5103


Fonte: Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA)


41 visualizações

Comentários


bottom of page