top of page
Sumário da água

Blog da REBOB

Segurança hídrica: Governo do Estado tem projeto aprovado em Fundo Estadual de Conservação Ambiental e Desenvolvimento Urbano


Investimento de mais de R$ 115 milhões vai aprimorar segurança hídrica com estudos e ações relacionadas à prevenção e mitigação de eventos extremos


O Governo do Estado, por meio da Secretaria do Ambiente e Sustentabilidade e do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), obteve aprovação do projeto “Segurança Hídrica no Estado do Rio de Janeiro” no Fundo Estadual de Conservação Ambiental e Desenvolvimento (FECAM). Mais de R$ 115 milhões serão investidos para aprimorar a segurança hídrica fluminense, por meio de estudos e ações relacionadas à prevenção e mitigação de eventos extremos relacionados às mudanças climáticas.


– Ao longo dos anos, o Rio de Janeiro sofreu com esses eventos extremos. Nossa gestão está integralmente comprometida em atuar em todos os âmbitos possíveis para elaborar estudos e agir a favor da mitigação e da prevenção de danos relacionados às chuvas e transbordamentos de rios – pontua o governador Cláudio Castro.


O projeto terá duração de 48 meses e será dividido em oito áreas: apoio na definição de locais para realização de intervenções emergenciais; previsão, prevenção e mitigação de eventos de secas; gestão de conflitos pelo uso da água; gestão de demandas e garantia da disponibilidade hídrica; gestão sistemática dos recursos hídricos; apoio na definição de locais para ampliação da rede de monitoramento hidrometeorológico; estudos e projetos de infraestrutura hídrica; e avaliação das condições dos barramentos fiscalizados pelo Inea.


– É uma grande vitória! Não só a sociedade ganha, mas o meio ambiente também é beneficiado por isso. Para se ter uma ideia, os custos de investimento em resposta, recuperação e reabilitação chegam a ser em média dez vezes mais caros quando comparados com os custos de planejamento, prevenção e mitigação. Mas o mais importante é que as vidas das pessoas serão preservadas – afirma o secretário de Estado do Ambiente e Sustentabilidade, Bernardo Rossi.


Fonte: INEA

13 visualizações

Comments


bottom of page