Especialistas discutem gestão integrada de recursos hídricos superficiais e subterrâneos

07/10/2014

 Mesa de abertura do Workshop

 

 

Nos dias 25 e 26 de setembro, aconteceu o Workshop Gestão Integrada de Recursos Hídricos Subterrâneos e Superficiais. O evento foi promovido pela Agência em parceria com o Conselho Nacional de Recursos Hídricos (CNRH) e a Secretaria de Recursos Hídricos e Ambiente Urbano do Ministério do Meio Ambiente (SRHU/MMA).

 

O Workshop buscou promover um debate sobre a gestão integrada de recursos hídricos superficiais e subterrâneos a fim de subsidiar a proposta de Resolução do CNRH que trata do tema. Participaram do evento especialistas da ANA e representantes: do Conselho Nacional de Recursos Hídricos, do Ministério do Meio Ambiente, do Serviço Geológico do Brasil (CPRM), do Instituto Chico Mendes (ICMBio), de órgãos gestores de recursos hídricos de 17 unidades da Federação, de comitês de bacias hidrográficas, de universidades, de companhias de saneamento, entre outras instituições.

 

Durante o encontro, houve uma reunião conjunta de duas câmaras técnicas do CNRH para discutir a gestão integrada: a Câmara Técnica de Águas Subterrâneas (CTAS) e a Câmara Técnica de Integração de Procedimentos, Ações de Outorga e Ações Reguladoras (CTPOAR).

 

Na abertura do Workshop, Paulo Varella, diretor da ANA e geólogo por formação, falou sobre a importância da água subterrânea no contexto de secas que vêm acontecendo no Nordeste e no Sudeste. O dirigente também apontou a necessidade de se ver as águas superficiais e subterrâneas como algo que não pode ser dissociado e o papel do evento neste tema. “Esta é uma oportunidade boa para que a gente possa, enxergando a realidade, começar a discutir os caminhos para termos uma gestão integrada de recursos hídricos”, afirma.

 

Para o diretor de Recursos Hídricos da SRHU/MMA, Marcelo Medeiros, o momento de eventos hidrológicos críticos, como cheias e secas, vivido no Brasil reforça a importância da gestão integrada das águas subterrâneas e superficiais. “Discutir hoje gestão integrada de recursos hídricos é muito bem-vindo não só porque é um dos pilares da nossa Política [Nacional de Recursos Hídricos], mas pelo momento que a gente vive, com eventos extremos, como cheias e secas históricas”, destaca.

 

Também na mesa de abertura, a presidente da CTPOAR, Ellen Pantoja, falou sobre o papel do Workshop para a elaboração da Resolução do Conselho. “A gente espera que isso [o evento] vá colaborar muito com as discussões para que esta Resolução saia como todas as do CNRH, que têm sempre aquele cunho motivador e orientador para que os estados implementem a gestão de recursos hídricos”, conclui.

 

Em sua fala, o presidente da Associação Brasileira de Águas Subterrâneas (ABAS) e presidente da CTAS, Waldir Costa Filho, afirmou que a gestão integrada de recursos hídricos é um tema prioritário da Associação, mesmo com um foco maior sobre as águas subterrâneas. O dirigente também falou sobre a mesa que debaterá o tema durante o XVIII Congresso Brasileiro de Águas Subterrâneas, marcado para Belo Horizonte (MG) entre 14 e 17 de outubro.

 

Para mais informações: www.ana.gov.br

Please reload

Design & Marketing

Criatividade Coletiva - Inteligência de Marketing para Eventos