Rede de educação ambiental é criada em SC para divulgar boas práticas sobre recursos hídricos

07/12/2016

 

Um Encontro de Educadores Ambientais foi promovido pelo Comitê da bacia do rio Urussanga, por meio da coordenação de educação ambiental, no Centro Universitário Barriga Verde (UNIBAVE) campus Cocal do Sul. O evento reuniu profissionais capacitados pelo Comitê Urussanga desde 2011 e marcou a criação da rede de educação ambiental “Educar para Cidadania e Participação Social na Água”.

 

O objetivo da Rede é compartilhar ações exitosas relacionadas à água, a fim de promover a cidadania e participação social, bem como contribuir na compreensão da realidade socioambiental relacionada à gestão de recursos hídricos na bacia do rio Urussanga e bacias adjacentes.

 

No primeiro momento do Encontro, os profissionais participaram de um diálogo sobre os princípios que embasam a Rede: o conhecimento da realidade socioambiental dos territórios das bacias hidrográficas, a educação ambiental e a comunicação das informações geradas para a comunidade em geral. 

 

Segundo a coordenadora de educação ambiental do Comitê da Bacia do Rio Urussanga e professora do Unibave, Rose Maria Adami, estas questões são prioritárias para o avanço da gestão de recursos hídricos nas bacias hidrográficas. "O intuito é que a sociedade e os gestores públicos incorporem o conhecimento transmitido e desenvolvam boas práticas, pois educar para a água é levar as pessoas a compreendê-la como um recurso natural de suma importância para as atividades econômicas e sociais. Sem ela não há desenvolvimento socioeconômico”, frisa.

 

No período da tarde, os participantes construíram a base conceitual da rede “Educar para Cidadania e Participação Social na Água”, definindo os membros fundadores e associados, objetivos, missão, princípios, estrutura da governança, ou seja, quais as instituições e membros que irão coordenar a Rede, e as ações prioritárias. Além disso, os profissionais traçaram um plano composto por 6 ações a serem implantadas nas instituições parceiras no primeiro semestre de 2017. A equipe utilizou como base os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) elaborados pelas Nações Unidas (ONU), formado também por 169 metas a serem atingidas até 2030.

 

Uma reunião no início do primeiro semestre de 2017 envolvendo os membros fundadores da rede “Educar para Cidadania e Participação Social na Água” irá definir os encaminhamentos para implantação das ações propostas nas instituições parceiras.

 

Para mais informações: www.aguas.sc.gov.br

Please reload

Criatividade Coletiva - Inteligência de Marketing para Eventos