Ativismo ambiental: mulheres que estão fazendo a diferença

21/06/2019

Significativas mudanças em prol da vida já se tornaram notícias corriqueiras nos meios de comunicação. As mulheres, após centenas de anos de opressão, manifestam-se cada vez mais em vários âmbitos.

 

Suas vozes ecoam em todos os pontos do planeta, trazendo-nos esperança de um mundo mais justo, onde a vida seja tratada com respeito. Isso será possível através de iniciativas de ativistas sensíveis, guerreiras e com indubitável vontade de um mundo mais igualitário para todos nós.

 

 

Vandana Shiva

 

A ativista, física e pesquisadora Vandana Shiva é uma das mulheres mais notáveis do cenário de consciência social e representante do ecofeminismo, movimento que visa a igualdade entre gêneros e maior visão política do meio ambiente.  Membro do Fórum Internacional sobre Globalização, sua participação em diversas causas ecológicas é baseada na ancestral cultura védica indiana.

 

Nascida em 1952 no interior da Índia, obteve o bacharelado e mestrado em ciência, além de um mestrado complementar em filosofia da física. Sua formação, majoritariamente no campo científico, lhe proporcionou uma visão crítica da lógica racionalista do capitalismo global. Suas pesquisas no ramo de biotecnologia e bioética são reveladoras sobre questões como esgotamento de recursos naturais, o impacto da indústria na vida das populações pobres e subemprego.

 

Vandana tem colaborado ativamente com o Movimento Verde, que atua especialmente na África, Ásia e América Latina, estimulando a pesquisa no setor da agricultura familiar e engenharia genética. É autora de diversos livros sobre o dilema da fome e a relação entre escassez de alimentos, desperdício e manipulação da indústria.

 

Em outubro de 2018 ela falou, numa entrevista reveladora, sobre os perigos dos agrotóxicos no Brasil.

 

Segundo a ativista:

 

Agrotóxicos não são necessários para produzir mais comida, meu movimento na Índia tem demonstrado que é possível alimentar duas vezes a população indiana sem venenos, enquanto protegemos o planeta, os polinizadores, a biodiversidade, e também curamos o solo e a vida de todas as abelhas.”

 


Adaptado de Nara Guichon

Please reload

Criatividade Coletiva - Inteligência de Marketing para Eventos