Curitiba sediará o XXII ENCOB - Encontro Nacional de Comitês de Bacias Hidrográficas

06/03/2020

O Fórum Nacional de Comitês de Bacias Hidrográficas – FNCBH, realizará neste ano de 2020 o XXII ENCOB - Encontro Nacional dos Comitês de Bacias Hidrográficas, em parceria com o Governo do Estado do Paraná, a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável e Turismo - SEDEST e o Instituto Água e Terra, com o apoio do Fórum Paranaense de Comitês de Bacias Hidrográficas - FPCBH, na cidade de Curitiba - PR, durante o período de 12 a 16 de Outubro de 2020.

 

O ENCOB é o maior evento de águas do Brasil por envolver todos os segmentos da sociedade e em função também da composição participativa dos comitês, além de ter o maior alcance de divulgação em todo o Brasil.

 

Neste vídeo gravado ao vivo na solenidade de abertura do XXII ENCOB, o Secretário do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, Márcio Nunes, faz um convite especial para todos participarem do maior evento de recursos hídricos do Brasil.

 

A realização do ENCOB tem apontado para a participação de representantes de todos os entes do Sistema Integrado de Recursos Hídricos do Brasil, ou seja, nestes eventos, de forma compartilhada, Poder Público, Usuários, ONGs, Universidades, Municípios, e todos aqueles interessados no tema água, tem a oportunidade de trocar ideias, apresentar experiências exitosas de boa gestão dos recursos hídricos e fundamentalmente, conhecer os modelos atualmente aplicados nos Estados brasileiros no que se refere ao gerenciamento das águas. São esperadas aproximadamente 1.500 pessoas ligadas a comitês de bacias hidrográficas e outros interessados pelo tema.

 

Desde o anos de 1998, quando numa reunião realizada na cidade de Porto Alegre/RS, representantes de cinco Estados brasileiros definiram a necessidade de trocar experiências entre os vários Comitês de Bacias que vinham sendo implantados no país. ​Paralelamente a este grande cenário de integração e compartilhamento de ações efetivas na gestão das águas, o ENCOB ainda tem fomentado a discussão da gestão das águas transfronteiriças e das águas subterrâneas, o que tem trazido inúmeros técnicos e representantes de outros países para participar do evento.​

 

Assim, possibilita que os Comitês de Bacias Hidrográficas identifiquem as oportunidades e desafios para a promoção da gestão integrada das águas, de forma participativa e descentralizada, de modo a apontar para a toda a sociedade a efetiva sustentabilidade dos recursos hídricos, é um dos principais objetivos desse grande encontro.

 

 

​Além desse, integrar todos os organismos e segmentos que compõem e participam do Sistema Nacional de Recursos Hídricos, sejam públicos ou privados, visando possibilitar a discussão participativa e compartilhada no setor, também passa a ser uma das nossas preocupações, como também, discutir os cenários futuros no que se refere aos recursos hídricos no Brasil visando estabelecer metas e diretrizes para a efetivação das políticas públicas ligadas à água em interface como desenvolvimento.​

 

Dessa forma, o FNCBH pretende realizar um grandioso encontro no Estado do Paraná, para integrar cada vez mais os Comitês de Bacias Hidrográficas de todo Brasil, as discussões acerca dos conflitos pelo uso da água e promover o fortalecimento do Sistema Nacional de Gerencia-mento dos Recursos Hídricos.​​

 

Objetivos​

 

Os objetivos primordiais das edições do ENCOB são:​

 

Possibilitar que os Comitês de Bacias Hidrográficas identifiquem as oportunidades e desafios para a promoção da gestão integrada das águas, de forma participativa e descentralizada, de modo a apontar para toda a sociedade a efetiva sustentabilidade dos recursos hídricos.

 

Integrar todos os organismos e segmentos que compõem e participam do Sistema Nacional de Recursos Hídricos, sejam públicos ou privados, visando possibilitar a discussão participativa e compartilhada no setor.

 

Discutir os cenários futuros no que se refere aos recursos hídricos no Brasil visando estabelecer metas e diretrizes para a efetivação das políticas públicas ligadas à água em interface como desenvolvimento.

 

Destacar a importância da comunicação e mobilização nos processos de gestão das águas no Brasil pelos Comitês de Bacia, fundamentalmente pelo alcance proporcionado pelos organismos de mídia na referência às experiências exitosas já identificadas.

 

Discutir amplamente os compromissos e responsabilidades dos entes do Sistema Nacional de Recursos Hídricos visando a otimização das ações de preservação da qualidade e quantidade de nossas águas.

 

​Estabelecer elos entre a boa gestão dos recursos hídricos na sua recuperação e preservação a saúde das populações.

 

Debater a interface e integração das políticas federal e estaduais compartilhadamente com os Municípios, apontando as ações necessárias para a implementação de programas e serviços que tragam a recuperação e conservação das águas.​​

 

 

Público-alvo

 

​Representantes do Poder Público municipal, estadual e federal, Usuários, ONGs, Universidades, e todos aqueles interessados no tema, os quais têm a oportunidade de trocar idéias, apresentar experiências exitosas de boa gestão dos recursos hídricos e fundamentalmente, conhecer os modelos atualmente aplicados nos Estados brasileiros no que se refere ao gerenciamento das águas. Graças ao cenário de integração e compartilhamento de ações efetivas na gestão das águas, o ENCOB ainda tem fomentado a discussão da gestão das águas transfronteiriças e das águas subterrâneas, o que tem trazido inúmeros técnicos e representantes de outros países para participar do evento.

Sobre a solenidade de lançamento do XXII ENCOB

 

O Paraná possui 16 bacias hidrográficas que somam 196 mil quilômetros quadrados de extensão. “É dever do Estado preservá-las para garantir água de qualidade, além da exploração consciente do turismo aquático”, destaca o Secretário do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, Márcio Nunes.

 

O encontro é organizado anualmente, desde 1999, pelo Fórum Nacional de Comitês de Bacias Hidrográficas, com o apoio do Estado. “O Fórum não trabalha sozinho. Precisa estar em constante articulação com o Estado para garantir dinamismo e eficácia”, explica o coordenador-geral do fórum, Hideraldo Buch.

 

No ano passado o evento aconteceu em Foz do Iguaçu, com apoio do antigo Instituto das Águas do Paraná, hoje integrado ao Instituto Água e Terra. “O evento de 2019 foi um sucesso. Esperamos no mínimo a mesma intensidade e a mesma autenticidade no 22° Encob”, diz o diretor de Saneamento Ambiental e Recursos Hídricos do Instituto Água e Terra, José Luiz Scroccaro.

 

Na solenidade de lançamento foi instituído o Fórum Paranaense de Comitês de Bacias Hidrográficas, assinada a Carta de Princípios do fórum e empossados o coordenador-geral, Arlineu Ribas (presidente do comitê da litorânea); o 1º coordenador adjunto, Silvio Silvestre (diretor do comitê do Piraponema); e o 2º coordenador adjunto, Gandhy Ney de Camargo (presidente do comitê norte pioneiro).

 

COMITÊS DO PARANÁ – Atualmente, nove Comitês de Bacias estão em funcionamento no Paraná. O Instituto Água e Terra é o responsável por garantir o apoio necessário para a atuação de cada um, exercendo a função de secretaria-executiva.

 

Participaram do evento de lançamento do XXII ENCOB o presidente do Instituto Água e Terra e presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Paranapanema, Everton Luiz da Costa Souza; a presidente do Comitê da Bacia Pardo e coordenadora-adjunta do Fórum Nacional de Comitês de Bacias, Valeria Borges Vaz, Suraya Modaelli (Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Paranapanema), autoridades e representantes de bacias do Paraná e de outros Estados.

 

 

A realização dos Encontros Nacionais de Comitês de Bacias também é uma oportunidade para que os gestores discutam os cenários futuros dos recursos hídricos no Brasil e debatam amplamente os compromissos e responsabilidades dos entes do Sistema Nacional de Recursos Hídricos, com o objetivo de incentivar ações de conservação da qualidade e quantidade das águas.

Edição passada - XXI ENCOB - Foz do Iguaçu

 

O encontro em Foz do Iguaçu reuniu cerca de 1,5 mil participantes. Os representantes dos Comitês de Bacias tiveram a oportunidade de conhecer experiências exitosas que estão sendo desenvolvidas no País, além de participar de capacitações e visitas a projetos em implementação no Paraná, visando a boa gestão dos recursos hídricos.

 

Veja o vídeo clip do XXI ENCOB

 

 

 

Download do Relatório Final do XXI ENCOB

 

 

 

Please reload

Design & Marketing

Criatividade Coletiva - Inteligência de Marketing para Eventos