Sumário da água

Blog da REBOB

Como levar a educação ambiental para sala de aula

Escrito por Bruna Soldera - Instituto Água Sustentável IAS

Desde março de 2020 estamos vivendo uma crise devido a pandemia da COVID-19 e uma das áreas mais afetadas foi a educação, uma nova organização foi imposta e muitas escolas e principalmente professores tiveram que aprender sozinhos o novo formato de educação à distância, online.


Com a retomada das aulas presenciais tivemos outros desafios e questionamentos: será que é realmente seguro? Como atrair os alunos de volta para as escolas? Qual o nível de educação desses alunos pós pandemia?


Na educação infantil o desafio foi ainda maior uma vez que a dificuldade de seguir protocolos e cuidados entre crianças requer mais esforço e atenção e também tinha o receio das famílias em relação à contaminação (muitas vezes silenciosa) ao retornar às aulas presenciais. Porém, todos sabemos que a volta às aulas presenciais é de extrema importância para o aprendizado, segundo a Escola Viva (2021):


“O convívio com o outro, a troca e o compartilhamento de experiências são essenciais para o desenvolvimento, individual e coletivo. Até mesmo os conflitos gerados pela convivência e os impasses cotidianos, como disputas e pequenos desentendimentos com colegas, são disparadores para a aprendizagem. A própria necessidade de construir soluções para esses conflitos ganha outros contornos quando as crianças estão entre iguais”.


O despertar da curiosidade na educação infantil


Na infância o despertar a curiosidade é extremamente importante para o aprendizado, brincadeiras, danças, interação com plantas, vídeos interativos são bastante úteis para o aprendizado e segundo a Escola Viva (2021) “ganham significado a partir do olhar pedagógico atento”.


Atividades lúdicas ganham espaço nessa corrida pelo aprendizado, desperta a curiosidade e a vontade de conhecer o mundo! Novos temas ganham espaço dentro da educação infantil, o meio ambiente e a água passam a ter mais relevância no ensino e aprendizagem!


“A experiência de plantar feijões em algodão dentro do ambiente escolar muitas vezes é a primeira vez em que a criança “se deslumbra” com a transformação quase mágica do mundo natural. E, apesar do equívoco do algodão, perceber o desabrochar da vida a partir de uma semente e a necessidade da água para mantê-la acaba despertando no pequeno humano, no mínimo, a percepção do que pode causar a escassez deste bem fundamental para a manutenção da vida na Terra: água que dá vida às plantas e dá vida à criança também”(INSTITUTO ÁGUA SUSTENTÁVEL, 2021).


Como levar a educação ambiental para sala de aula?


Levar a educação ambiental para dentro da escola pode ser mais simples do que se imagina, a educação ambiental há tempos deixou de ser utópica e hoje é um tema e uma prática obrigatória para construir uma sociedade melhor e um meio ambiente mais sustentável. Algumas dicas são:


1) Programas educativos: Vídeos educativos e animados são excelentes meios de instigar a imaginação, além de criar uma preocupação com questões relevantes para o planeta desde a infância. O Instituto Água Sustentável e o Projeto Professor Água criou um programa nas mídias socais chamado “Professor Água Responde” que responde perguntas sobre água de crianças de diversas partes do mundo! Há vídeos em português, inglês, espanhol e árabe. Isso estimula a criança a aprender e cria um pertencimento a uma causa desde a infância!



2) Incentive o consumo consciente de recursos como água e energia, uma opção é colocar placas ou cartazes nos banheiros, bebedouros e salas de aula;


3) Ensine a importância da coleta seletiva e disponibilize lixeiras recicláveis;


4) Leitura de livros que falem sobre água e meio ambiente: estimule a criança a ter contato com livros, mesmo sem entender muita coisa isso pode criar um hábito essencial para o seu desenvolvimento.


5) Promova a redução do uso de plástico, dando preferência por produtos reutilizáveis e que agridem menos o meio ambiente;


6) Estimule a criança sempre a reaproveitar materiais e evitar o desperdício;


7) Faça uma horta coletiva: o contato com a natureza e os alimentos podem ajudar a formar adultos mais conscientes em relação ao consumo.


Fonte: Instituto Água Sustentável IAS


Viva Escola, 2021:

https://www.escolaviva.com.br/blog/a-importancia-da-volta-as-aulas-presenciais-para-as-criancas

Instituto Água Sustentável, 2021:

https://aguasustentavel.org.br/conteudo/blog/142-educacao-infantil-a-genese-da-educacao-ambiental


15 visualizações