top of page
Sumário da água

Blog da REBOB

Grupo Técnico da Amazônia Legal Brasileira se reúne na capital para discutir a agenda azul com foco nas mudanças climáticas e gestão dos recursos hídricos


Secretário Marcello Lelis destacou a importância da agenda azul que deve estar no centro das discussões. - Foto: Walker Ribeiro/Governo do Tocantins file_download


Técnicos e representantes dos órgãos estaduais do Pará, Acre, Roraima Mato Grosso e Tocantins envolvidos na gestão de recursos hídricos dos Estados estão reunidos na capital para o V Encontro do Grupo Técnico da Amazônia Legal Brasileira. O encontro segue até sexta-feira, 12, na Reitoria da Universidade Federal do Tocantins (UFT).


 Promovido pelo Governo do Tocantins, por meio do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) e da Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh), o tema deste encontro é voltado às mudanças climáticas e aos recursos hídricos.


 A abertura do evento foi realizada na manhã desta quarta-feira,10, e contou com a presença do secretário do Meio Ambiente e Recurso Hídricos, Marcello Lelis,  presidente do Naturatins, Renato Jayme, reitor da Universidade Federal do Tocantins, Luiz  Eduardo Bovolato, além de presidentes e representantes de Comitês de Bacia.


O secretário Marcello Lelis destacou a importância da agenda azul que deve estar no centro das discussões, citando o empenho do Governo do Tocantins com a pauta ambiental. 


Marcello Lelis falou ainda da importância do trabalho realizado pelos comitês de bacia que tem sido referência no país. “O Tocantins foi o primeiro estado da região Norte a estabelecer estes comitês, a aprovar a cobrança pelo uso da água em uma bacia e também, que formatou um Plano Estadual de Recursos Hídricos”, observou. 


Apontou ainda o trabalho desenvolvido pelos Centros de Referência de Áreas Degradas (CRADS), que integra o ciclo da gestão dos recursos hídricos, somado ao monitoramento da qualidade da água. “Este é um trabalho que nos orgulha muito”, enfatizou. O secretário teceu ainda elogios ao diretor de Gestão e Planejamento dos Recursos Hídricos, Aldo Azevedo, pela excelente execução na pasta da política voltada aos recursos hídricos. 


O superintende dos Recursos Hídricos do Mato Grosso reforçou a necessidade dos estados em integrar a agenda de forma participativa. “Precisamos reunir esforços para que a gente consiga agregar esforços para uma gestão de fato, integrada, descentralizada e participativa”, sugeriu. 


Ainda na manhã de hoje, o evento contou com apresentações sobre a atuação dos comitês de bacia na preservação dos recursos hídricos que foi realizada pelo presidente do Fórum Tocantinense de Comitês de Bacia, Mário Roberto e pelo presidente do CBH do Lago de Palmas, Marcelo Grison. Em seguida, o juiz Welligton Magalhães abordou o tema Segurança Jurídica alinhada à gestão de recursos hídricos.

O reitor da UFT destacou o papel da universidade de estar inserida nesta pauta como instituição pública de ensino. “Esperamos estar mais próximos e colaborar naquilo que a universidade possa nas diferentes áreas do conhecimento”, afirmou. 


A diretora de Gestão e Regularização Ambiental do Naturatins, Letícia Vieira, enfatizou que as “sugestões apresentadas durante o evento serão levada aos estados para sua efetivação e aplicabilidade”.



Juiz Welligton Magalhães abordou o tema Segurança Jurídica alinhada à gestão de recursos hídricos. - Walker Ribeiro/Governo do Tocantins file_download



Representando o presidente do Naturatins, a gerente Letícia enfatizou que as sugestões serão levadas  aos estados para sua efetivação e aplicabilidade. - Walker Ribeiro/Governo do Tocantins file_download



Realizado na reitoria da UFT, evento contou com a participação de técnicos e representantes dos órgãos estaduais do Pará, Acre, Roraima Mato Grosso e Tocantins. - Walker Ribeiro/Governo do Tocantins file_download


Fonte: Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos - TO

11 visualizações

Comments


bottom of page