top of page
Sumário da água

Blog da REBOB

Integração de gênero e tecnologia na gestão sustentável dos recursos hídricos

Atualizado: 29 de nov. de 2023

Integração de gênero e tecnologia na gestão sustentável dos recursos hídricos: Projeto “Conheça Seu Rio”



Nicole Aparecida Martins Klimko Fraguas, Alice Araujo da Silva Pagliarelli, Carolina Cardozo de Souza, Letícia Pereira Santos, Victoria Rocha de Oliveira, Cristiane de Souza Siqueira Pereira


A gestão sustentável dos recursos hídricos é uma preocupação global e as mulheres desempenham um papel essencial nesse contexto. Essa importância da participação feminina na gestão dos recursos hídricos está alinhada com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) 5 e 6 das Nações Unidas, que visam a igualdade de gênero e a gestão sustentável da água. O ODS 6 da ONU concentra-se em assegurar que a água e o saneamento sejam acessíveis e sustentavelmente gerenciados para todos. Nesse contexto, as mulheres desempenham um papel vital na promoção da gestão sustentável da água, contribuindo significativamente para a preservação dos recursos hídricos e a promoção de práticas responsáveis no uso desse recurso vital.


A participação ativa das mulheres nos comitês de Bacias Hidrográficas é fundamental para buscar melhorias nos recursos hídricos do município. Sua contribuição enriquece as discussões e decisões relacionadas à água com perspectivas diversas, fortalecendo ainda mais a gestão sustentável dos recursos hídricos.


Em nosso Estado, temos o Rio Paraíba do Sul, uma importante bacia que atravessa os estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, desempenhando funções cruciais no abastecimento de água, geração de energia e transporte. Na região do Médio Paraíba do Sul, no Rio de Janeiro, esta bacia impulsiona a economia com atividades industriais e agrícolas.


Nossa região integra o Vale do Café, região com uma importância significativa em termos históricos, culturais e turísticos, sendo reconhecida por seu papel na produção de café no século XIX e pela preservação de fazendas e museus que retratam essa época. Dessa forma, o Rio Paraíba do Sul não apenas contribui para a economia, mas também enriquece o patrimônio cultural e turístico do Brasil por meio do Vale do Café.

No Município de Vassouras, foi criado o Plano Municipal de Educação Ambiental do Município, Lei N.° 3.200, de 06 de abril de 2020. Âmbito da Secretaria Municipal do Ambiente, Agricultura e Desenvolvimento Rural, com vista ao cumprimento da Lei Federal N° 9.795 de 27 de abril de 1999 e Lei Estadual N°3325 de 17 de dezembro de 1999.


No contexto local de Vassouras, parcerias entre o Setor Público, Universidade e Comitês de Bacias têm contribuído para melhorar a qualidade dos recursos hídricos locais e promover a educação ambiental. Em Vassouras, tem sido dedicada atenção substancial para aprimorar a qualidade dos recursos hídricos locais. Isso tem sido alcançado por meio de parcerias colaborativas entre a Prefeitura, por meio da Secretaria do Ambiente, Agricultura e Desenvolvimento Rural, a Universidade, através do Mestrado Profissional em Ciências Ambientais e do Curso de Engenharia Química, e os Comitês de Bacias da Região Hidrográfica desempenham um papel fundamental nesse processo. Essas colaborações possibilitaram a realização de monitoramentos, estudos e ações práticas para a preservação dos recursos hídricos, incluindo o acompanhamento dos rios e nascentes, bem como a implementação de programas de educação ambiental nas escolas do município e programa de monitoramento da qualidade da água de rios e nascentes.


“A partir da ideia da Nicole que é minha orientanda no Mestrado Profissional em Ciências Ambientais da Universidade de Vassouras, iniciamos em 2023 um projeto em parceria com a Prefeitura de Vassouras, intitulado “Conheça seu Rio", com o objetivo de fortalecer a consciência ambiental entre os alunos, abordando a preservação do meio ambiente e dos recursos hídricos, promovendo sua atuação como cidadãos comprometidos com a sustentabilidade”.




O projeto é realizado através de ações de extensão e obteve sucesso ao ser implementado em 9 escolas municipais, abrangendo estudantes do 4º ao 9º ano, em diferentes regiões do município. Essa abrangência incluiu escolas localizadas tanto no centro da cidade quanto em distritos rurais. As atividades do projeto englobam debates, dinâmicas e práticas, cujo propósito foi despertar o interesse e a motivação dos alunos durante o processo de aprendizado. Dentre os temas abordados, destacaram-se a relevância do Rio Paraíba do Sul, os Córregos Urbanos, os Resíduos Sólidos, as Estações de Tratamento de Água e Esgoto, entre outros assuntos relevantes. Para proporcionar aos estudantes uma experiência prática e concreta sobre os processos de preservação da água, foram realizadas simulações utilizando o Jar Test. Esse equipamento reproduz as etapas de coagulação, floculação e decantação de uma estação de tratamento de água, utilizando a água bruta do Rio Paraíba do Sul, captada pela estação de tratamento de água da concessionária Rio + Saneamento.


O aplicativo "QUIZ – Projeto Águas, conheça seu Rio", foi concebido com o objetivo principal de educar e enriquecer o conhecimento das crianças sobre os rios. Ele foi desenvolvido como uma ferramenta educacional interativa, com foco na aprendizagem lúdica e informativa sobre rios. A construção do aplicativo foi baseada na linguagem JavaScript, a mesma utilizada para o desenvolvimento de aplicativos móveis nativos para os sistemas Android e iOS. Optou-se pelo uso da biblioteca de código aberto React Native em JavaScript, o que possibilita uma eficiente criação do aplicativo para ambas as plataformas, economizando tempo e recursos. Isso significa que ele pode ser facilmente instalado e usado em smartphones e tablets que operam com esses sistemas operacionais, sem a necessidade de desenvolvimento separado para cada plataforma.


Figura 3 - Imagem do Aplicativo "Quiz Projeto águas: Conheça seu Rio" e Certificado de Registro de Programa de Computador.
Figura 3 - Imagem do Aplicativo "Quiz Projeto águas: Conheça seu Rio" e Certificado de Registro de Programa de Computador.

Além disso, é importante destacar que a patente de software do aplicativo foi devidamente registrada no INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial), garantindo assim o compromisso de exclusividade. No momento, nossa equipe está dedicada a aprimorar continuamente o aplicativo, com o intuito de introduzir novas funcionalidades educacionais, proporcionando, assim, uma experiência ainda mais rica e eficaz para os alunos.


Em suma, a participação ativa das mulheres na gestão sustentável dos recursos hídricos desempenha um papel fundamental em Vassouras, alinhando-se com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas. Por meio de parcerias colaborativas entre a Prefeitura, a Universidade e os Comitês de Bacias, foram e tem sido realizadas ações visando a preservação e a melhoria contínua da qualidade dos recursos hídricos locais com o envolvimento da comunidade, especialmente das mulheres, conduzindo em direção a um futuro mais sustentável e consciente em relação à gestão dos recursos hídricos.



Figura 4 - Equipe Integradora do Projeto "Conheça seu Rio"
Figura 4 - Equipe Integradora do Projeto "Conheça seu Rio"

Cristiane de Souza Siqueira Pereira – Professora Orientadora do Projeto


É Doutora em Engenharia de Processos Químicos e Bioquímicos pela Escola de Química da UFRJ. Mestre em Engenharia Química pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro e graduação em Química Industrial pela Universidade de Vassouras. Coodenadora do Mestrado Profissional em Ciências Ambientais e do Curso de Engenharia Química da Univassouras. Diretora de Restauração Ambiental do Comitê Guandu.





75 visualizações

Comments


bottom of page