top of page
Sumário da água

Blog da REBOB

Agevap assina contrato para restauração ecológica do Programa Produtores de Água e Floresta

Agevap assina contrato para restauração ecológica em propriedades participantes do projeto Programa Produtores de Água e Floresta



Dentre os principais desafios para a gestão e manejo da região hidrográfica do município de Rio Claro (RJ) está a perda de cobertura florestal, fator este que acelera adegradação dos solos e dos recursos hídricos. Nesse contexto, a Agevap (Associação Pró-Gestão das Àguas da Bacia Hidrografia do Rio Paraíba do Sul), enquanto braço técnico e operacional do Comitê Guandu-RJ, assinou um contrato com a empresa Ecovale Consultoria Agroambiental LTDA, que irá executar ações de restauração ecológica em propriedades participantes do programa Produtores de Água e Floresta.


De acordo com o diagnóstico realizado nas propriedades, deverão ser utilizadas as seguintes técnicas para restauração ecológica: plantio total, adensamento, enriquecimento, condução de regeneração natural e semeadura direta. Para cada técnica estão associados um conjunto de atividades operacionais, como o controle de formigas cortadeiras e de espécies competidoras, o preparo do solo e/ou fertilização.


Com o valor de R$ 2.711.528,35 o contrato tem duração de quatro anos. O recurso é oriundo do FUNDRHI (Fundo Estadual de Recursos Hídricos) e a ação está prevista no PERH Guandu (Plano Estratégico de Recursos Hídricos das Bacias Hidrográficas dos Rios Guandu, da Guarda e Guandu-Mirim), aprovado através da Resolução COMITÊ GUANDU Nº139, de 06 de dezembro de 2018.


Ao todo, o trabalho de restauração florestal engloba 42 polígonos, em que 15 propriedades deverão receber ações de restauração ecológica e outras duas propriedades terão apenas a instalação de cercas em áreas já restauradas.


Em geral, as áreas que receberão as ações são ou foram utilizadas como pastagem. Devido ao histórico de uso, muitas das áreas se encontram em elevado grau de degradação, onde o fogo e a baixa fertilidade dos solos são os principais limitantes abióticos para restauração florestal local.


Criada em 2010, a Ecovale Agroambiental é uma empresa do ramo ambiental e florestal especializada em restauração ecológica. Em 12 anos de empresa, eles contabilizam 1,5 milhão de mudas nativas plantadas.


"Compreendemos que restaurar é muito mais que, simplesmente, plantar mudas. É promover, de forma abrangente, a sinergia necessária para que a vida, diante da sua diversidade e complexidade, encontre seu equilíbrio no ambiente através de práticas relacionais, sustentáveis e harmoniosas", disse a assessoria da empresa.


Fonte: Agevap

26 visualizações
bottom of page