Sumário da água

Blog da REBOB

Minas Gerais tem 12 projetos inscritos no Programa de Tratamento de Águas Residuárias (Protatar)2022


O Programa de Tratamento de Águas Residuária (Protatar)  busca ações efetivas para melhoria dos índices de saneamento básico na bacia do Paraíba do Sul - Foto: Érica Vidal
O Programa de Tratamento de Águas Residuária (Protatar) busca ações efetivas para melhoria dos índices de saneamento básico na bacia do Paraíba do Sul - Foto: Érica Vidal

O Comitê de integração da Bacia Hidrográfica do Rio Paraíba do Sul (CEIVAP) tornou pública a lista de municípios inscritos na 5ª edição do Programa de Tratamento de Águas Residuárias (Protatar). Foram 21 projetos dos estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo, sendo 12 deles de 11 municípios de Minas. O programa destinará R$ 31 milhões para obras de esgotamento sanitário para cidades selecionadas.


Com o edital lançado em março de 2022 e finalizada a inscrição em 28 de abril, é iniciada a fase de habilitação, na qual os municípios inscritos passarão por análise da documentação exigida pelo edital, e até o dia 13 de maio poderão se adequar às exigências. Após esta etapa, os projetos habilitados passarão por avaliação e os selecionados serão conhecidos ainda no final deste ano.

O objetivo do Protatar é buscar ações efetivas para melhoria dos índices de saneamento básico na bacia do Paraíba do Sul. “É o único edital que existe no Brasil voltado para o tratamento de esgoto de afluentes domésticos para os municípios com recurso oriundo da cobrança do uso da água”, comenta o analista ambiental do Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam) e representante do Ceivap na Bacia Paraíba do Sul, Eduardo Araújo Rodrigues. Melhoria das águas

O edital do Protratar é lançado anualmente, desde 2017, e ocorre ao longo do ano. Minas Gerais é sempre destaque entre os selecionados, sendo que, nos últimos anos, foram mais R$ 70 milhões em projetos para Minas. Os recursos são provenientes da cobrança pelo uso de recursos hídricos na bacia do Rio Paraíba do Sul, bem como da transposição das águas para a bacia do Rio Guandu.

Coordenada pelo Ceivap e pela Associação Pró-Gestão das Águas da Bacia Hidrográfica do Rio Paraíba do Sul (Agevap), a aplicação dos recursos garante a melhoria da qualidade das águas da bacia. O Edital é voltado para municípios e consórcios públicos inseridos na bacia do Rio Paraíba do Sul, nos quais a prestação dos serviços públicos de esgotamento sanitário seja realizada pela administração direta municipal (departamentos e secretarias) ou pela administração indireta (autarquia ou empresa pública municipal).

“O tratamento de esgoto é a atividade de maior impacto na qualidade das águas em qualquer região, pois afeta a melhoria de água disponível em nossos rios e a qualidade de vida da população”, reforça Eduardo. Bacia hidrográfica

A Bacia Hidrográfica do Rio Paraíba do Sul situa-se na região sudeste do Brasil e ocupa uma área de 62.074 km², estendendo-se pelos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais. Ao todo, mais de 180 municípios estão inseridos no território da bacia. A maioria deles, 95, faz parte da porção mineira. Veja a lista dos 11 municípios mineiros inscritos no Protatar 2022 Astolfo Dutra Bicas Dona Euzébia Ewbank da Câmara Lima Duarte Mar de Espanha– 2 projetos Palma Rio Novo Rochedo de Minas São Francisco do Glória Senador Côrtes Luciane Evans e Artur Medeiros Ascom/Sisema Fonte: Portal do Meio Ambiente MG

16 visualizações