Sumário da água

Blog da REBOB

Setores do turismo, lazer e da pesca participam de oficina para elaboração do PNRH

Evento ocorreu nesta terça-feira (22). Próxima etapa será um debate on-line com membros da sociedade civil sobre gênero, juventude, povos indígenas e comunidades tradicionais relacionadas ao tema dos recursos hídricos


O setor de pesca também participou dos debates para elaboração do Plano Nacional de Recursos Hídricos (Foto: Divulgação)



Brasília (DF) – O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) promoveu, nesta terça-feira (22), a sexta e última oficina setorial para elaboração do Plano Nacional de Recursos Hídricos (PNRH), que terá vigência no período de 2022 a 2040. Desta vez, o tema foi debatido por representantes dos setores do turismo, do lazer e da pesca, tanto da esfera governamental como da iniciativa privada. O evento contou com parceria da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA).


Durante a apresentação, o coordenador-geral de Mobilidade e Conectividade Turística do Ministério do Turismo, Higor Guerra, contou que o Brasil tem mais de 35 mil quilômetros de vias navegáveis e uma costa com mais de 8,5 mil quilômetros. Ele ressaltou a importância das águas brasileiras para o turismo, especialmente na utilização de embarcações náuticas e de aventura. “Temos um potencial gigantesco de lazer e turismo, mas que ainda é pouco utilizado”, avaliou. “Que o turismo possa ser beneficiado pelo Plano para que possa gerar emprego e renda para a nossa população, que tanto precisa”, completou.


O diretor do Departamento de Revitalização de Bacias Hidrográficas do MDR, Wilson Melo, apontou a importância de o setor do turismo estar participando das discussões. “Percebemos que, quando valorizados, esses mananciais associados ao turismo têm o potencial de preservar os recursos hídricos. Além disso, este momento é importante para que as várias instituições possam trazer seus desafios e dificuldades”, destacou.


Esta foi a última de seis oficinas realizadas com os setores que integram a discussão do Plano Nacional de Recursos Hídricos. Também participaram do debate representantes de instituições ligadas a saneamento, transporte aquaviário, energia, agricultura e irrigação e indústria e mineração. As apresentações de todos os debates realizados até o momento estão disponíveis neste link.


Para fechar o primeiro semestre, na próxima sexta-feira (25), haverá um debate on-line com membros da sociedade civil sobre gênero, juventude, povos indígenas e comunidades tradicionais relacionadas ao tema dos recursos hídricos. A agenda completa e as inscrições estão disponíveis neste link.


Saiba mais


Desde 2019, MDR e ANA trabalham na construção do novo Plano Nacional de Recursos Hídricos (PNRH). Naquele ano, foram propostas as bases conceituais para o processo participativo de elaboração do documento. Em 2020, devido à pandemia de covid-19, o calendário previsto de elaboração do novo PNRH sofreu adiamento e vem sendo retomado neste momento.


Para mais informações sobre o Plano Nacional de Recursos Hídricos, clique aqui.


Fonte: Ministério do Desenvolvimento Regional

5 visualizações